Carlo Bernardini

ARTISTA

Carlo Bernardini

Como   o   próprio   artista   anota,   a   maior   transformação promovida   pela   arte contemporânea não é tanto a dos novos materiais  e linguagens mas a  redefinição dos limites de uma tela com sua moldura ou de uma escultura com seu volume ou de  uma  arquitetura  com  suas  arestas.  Os  campos de luz  de  Carlo  Bernardini atribuem    novos  limites  ao  espaço  arquitetural  e  os    transgridem.  Antítese  da arquitetura por sua imaterialidade, a luz torna-se  o comentário lábil sobre uma obra que pretende durar: um choque de pretensões e sentidos se instaura.

Teixeira Coelho | Curador

Carlo Bernardini recebeu o prêmio Targetti Light Collection Art “White Sculpture”. Bernardini trabalha com fibra ótica desde 1996; ele criou e instalou esculturas públicas permanentes em fibras de aço inoxidável e ótica em diversas cidades italianas, e em 1996 e 2003, instalou trabalhos site specific nas XII e XV Quadriennial Nacional de Roma. Desde então, passou a criar instalações públicas ambientais em fibra ótica em várias cidades ao redor do mundo, como Amsterdam, Berlim, Rio de Janeiro, Nova Iorque, Valencia, Haia – L’Aia. Em 2010 Bernardini foi convidado para o XIII Luci d’Artista (Luzes do artista), em Turim. Sua pesquisa visual é atualmente desenvolvida por meio de instalações ambientais em fibra ótica. No trabalho exposto na Bienal de Curitiba, o artista atribui  novos limites ao espaço arquitetural e os  transgride. Antítese da arquitetura por sua imaterialidade, a luz torna-se  o comentário lábil sobre uma obra que pretende durar: um choque de pretensões e sentidos se instaura.  

Site Carlo Bernardini