Kurusu Rebelde

Dir. Miguel Agüero

18 anos | Miguel Agüero | 2015 | Ficção | Paraguai | 28’

Blásida, uma senhora de oitenta anos, viaja acompanhada por seu neto Felipe, 11, para procurar os restos mortais de seu marido, desaparecido durante a ditadura militar de Alfredo Stroessner. Eles contratam Pablino, um camponês que precisa de dinheiro para salvar a vida de sua pequena filha e diz conhecer o lugar onde está enterrado o marido de Blásida. Vai guiando os dois até uma local conhecido como Kurusu Rebelde, a cruz rebelde, mas recebe uma notícia triste ao cair da noite e precisa voltar para casa. Blásida e Felipe seguem sozinhos para encontrar a cruz.

 

Direção, direção de produção e direção de arte: Miguel Agüero | Direção de fotografia e edição: Ángel Molina | Trilha sonora: Magali Apodaca | Elenco: Enrique Vera, Teresita Pesoa, Dante Silvera | Produção: Arraigo Expresión Audiovisual

 

Miguel Agüero

Miguel Agüero, paraguaio, nasceu em 1982. É professor de Artes Plásticas no Instituto Superior de Belas Artes de Assunção e diretor de diversos curtas e médias-metragens, entre eles Entrevista a un clandestino (2006), Circo pe (2009), Kuña Kamba e Kurusu Rebelde (2015).

 

 

 

Mostra Cinema Paraguaio

Cinemateca
Sexta, 21/10 - 19h

Gratuito