Exposições nas estações-tubo

 

20 autores nacionais e locais invadem a cidade com a ocupação de estações-tubo de Curitiba com frases literárias. 

 

Nesta exposição trazemos trechos literários dos autores convidados plotados em estações-tubo. A proposta desta ação é fazer com que a literatura atinja uma gama gigante de pessoas, já que as estações-tubo estão espalhadas pela cidade e resguardam milhares de passageiros ao longo do dia, leitores ou não, funcionando de segunda a segunda.

Assionara Souza

2017. Exposição literária em Estações-tubo. Registro: Rodrigo Cardoso

 


As frases estão nas estações-tubo entre o Santa-Cândida e o Capão Raso, Jardim Botânico e Campo Comprido, Paiol e MON.

Expresso Santa Cândida/ Capão Raso (Eixo Norte-Sul), no trecho entre Terminal
Cabral e Terminal Portão.

Expresso Centenário / Campo Comprido | Eixo Leste-Oeste Entre Estação Tubo
Jardim Botânico e Visconde de Nácar

Linha direta Boqueirão / Centro Cívico, no trecho entre a Estação Tubo Paiol e Museu
Oscar Niemeyer

 

BeFunky Collage_tubo

 

Lista das Estações -Tubo e suas respectivas frases.

 

BeFunky Collage0001

 

 

Estação-tubo Constantino Marochi | Sentido Capão Raso

“O não que nasce em teu corpo aguarda pelo teu grito!”
Assionara Souza

 

Terminal Cabral | Estação Tubo sentido Pinheirinho

“ Contar é uma forma de se duplicar.”
Bernardo Carvalho

 

Estação-tubo Rodoviária

“Como passarinho, pousa e passa rindo.”
Alberto Puppi

 

BeFunky Collage0002

Estação-tubo Hospital Cajuru | sentido bairro

“Está mais do que na hora de reavaliar tudo.”
B. Kucinski

 

Estação-tubo Praça Rui Barbosa | sentido Pinheirinho

“Veja bem; porque ninguém está olhando.”
Caetano W. Galindo

 

Estação-tubo Bento Viana | sentido Capão Raso

“A literatura é um fantástico meio de transporte.”
Cíntia Moscovich

 

BeFunky Collage0003

 

Estação-tubo Sebastião Paraná | sentido Capão Raso

“E aí, aos poucos, a ida e a volta começam a ficar parecidas.”
Elvira Vigna

 

Terminal Portão | sentido Capão Raso

“O sábio ri sem dentes.”
Giovana Madalosso

 

Estação-tubo Eufrásio Correia | sentido Capão Raso

“Escrever é lutar contra a tirania do dogma.”
José Castello

 

BeFunky Collage0005

 

Terminal Campo Comprido

“Somos todos passarinhos presos em supermercados”
Julie Fank

 

Estação-tubo Paiol | sentido Centro

“Oásis não tem endereço.”
Luís Henrique Pellanda

 

Estação-tubo Guadalupe | sentido Boqueirão – Rua João Negrão

“Sou um lugar onde nunca fui.”
Luci Collin

 

BeFunky Collage0006

 

Estação-tubo Passeio Público | sentido Santa Cândida

“Literatura é compromisso.”
Luiz Ruffato

 

Estação-tubo Petit Carneiro | sentido Santa Cândida

“E a voz querida. A meiga voz inesquecível.”
Rachel Liberato Meyer

 

Estação-tubo Praça Oswaldo Cruz | sentido Santa Cândida

“Pra que lembrar se posso esquecer?”
Marcio Renato dos Santos

 

BeFunky Collage0007

Estação-tubo Comendador Fontana | sentido bairro

“Aquele que sonha nunca fica só.”
Miguel Sanches Neto

 

Estação-tubo Morretes | sentido Santa Cândida

“A literatura é uma arte visual.”
Tércia Montenegro

 

Estação-tubo Museu Oscar Niemeyer | sentido bairro

“A mão de Deus é pequena para amparar tanto pecado.”
Rogério Pereira

 

 

BeFunky Collage0008

Estação-tubo Bom Jesus | sentido Santa Cândida

“Ninguém se liberta só com palavras.”
Milton Hatoum

 

Estação-tubo Praça Rui Barbosa| sentido Capão Raso

“É uma florzinha. É uma florzinha...”
Rachel Liberato Meyer

 

 

 

 

 

 

Exposições
Dezembro/16 a Fevereiro/2017

Estações-tubo