Afronte

Dir. Bruno Victor e Marcus Azevedo

Livre, 2017, Híbrido, Brasil, 16’

Ficção e documentário se cruzam para mostrar o processo de transformação e empoderamento de Victor Hugo, um jovem negro e gay, morador da periferia do Distrito Federal. Seu relato se mistura aos depoimentos de outros jovens, cujas histórias revelam diferentes formas de resistência, encontradas em discursos de valorização do negro gay.

Direção: Bruno Victor e Marcus Azevedo | Roteiro: Bruno Victor e Marcus Azevedo | Direção de Produção: Renata Schelb e Juliana Melo | Direção de Fotografia: Ana Carolina Matias | Direção de Arte: Ana Júlia Melo | Som: Ana Carolina Nicolau e Martha Suzana | Montagem: Lucas Araque | Trilha sonora: Arnold Gules | Empresa produtora: Roxo Berinjela Produções | Elenco: Victor Hugo, Edileuza Penha de Souza, Eduardo Rosa, Thiago Almeida, Victor Matos, Ricardo Caldeira, Agostinho Santos, Damien Browne e Gabriel Nascimento.

Bruno Victor

Estudante de Audiovisual na UnB, atua como diretor de fotografia e roteirista. Sua trajetória inclui assistência e direção de fotografia em curtas universitários.

Marcus Azevedo

Formado em Geografia pela UERJ e em Audiovisual pela UnB, trabalha como professor e em diversas áreas da produção cinematográfica de curtas universitários. Atualmente também produz o 1º Encontro de Cineastas e Produtoras Negras.

https://www.youtube.com/watch?v=J_gi1QShEg0

Mostra Circuito Brasileiro

Espaço Itaú de Cinema
Sábado, 11/11 - 19h

R$ 6,00 e R$ 3,00 (meia)