Liberdade

Dir. Vicente Aranda

(Título original: Libertarias)

18 anos, 1996, Ficção, Espanha, 124’

A Guerra Civil Espanhola vista por um grupo de milicianas anarquistas. Em 18 de julho de 1936 o exército espanhol se rebelou contra o Governo da República, um grupo de mulheres reivindicaram seus direitos de lutar na frente. Em nome da liberdade, as mulheres lutaram a sua própria batalha para se igualar com os homens na luta armada.

Direção: Vicente Aranda | Roteiro: Vicente Aranda e Antonio Rabinad | Direção de fotografia: José Luis Alcaine | Direção de arte: Josep Rossell | Música: José Nieto | Montagem: Teresa Font | Empresas produtoras: Sogetel e Lolafilms | Elenco: Ariadna Gil, Victoria Abril, Ana Belén, Jorge Sanz, Loles León, Miguel Bosé, Laura Maña, Blanca Apilánez, Azucena De La Fuente, José Sancho, Yäel Be, María Galiana, Antonio Dechent, Manuel de Blas, Joan Crosas, Alex Cox, Claudia Gravi, Paco Bas, Patricia Vico e María Pujalte

Vicente Aranda

Vicente Aranda é um diretor essencial para entender o cinema espanhol na transição democrática e em sua consolidação. Sem dúvida, Aranda conseguiu levar a cabo um cinema com um estilo próprio, levando em conta suas próprias historias. “Fata Morgana”, de 1966, é o seu primeiro filme solo e é apontado como o precursor da Escola de Barcelona, um importante movimento do cinema espanhol. Realizou cerca de trinta filmes, tendo ao longo da carreira várias fases autorais. O diretor se dedicou ao cinema negro filmando obras como “Fanny Pelopaja” (1984) e “Assassinato no comitê central” (1982). Atuou ainda fazendo adaptações literárias de textos de Juan Marsé, Luis Martín Santos, Andreu Martín, Antonio Gala, entre outros. No entanto, é no cinema de guerra que Aranda alcança seu ápice. São exemplos “Libertárias” (1996) e “Amantes” (1991), o seu maior sucesso. O filme conseguiu o prêmio Goya na categoria de Melhor Filme e de Melhor Diretor, além do Urso de Prata para Victoria Abril no Festival de Berlim. O cineasta morreu em 2015 aos 88 anos.

Mostra Circuito Espanhol

SESC Paço da Liberdade
Quinta, 16/11 - 19h

Gratuito