LISTEN TO ME

Dir. Carla Andrade

2016, Experimental, Espanha, 7’, Super 8 digital, PB e COR

“Listen to me” é um gesto (audiovisual) que pretende inverter a eterna posição da mulher como objeto de visão para vê-la subjetivamente, “escutá-la” em vez de vê-la. Como disse Marguerite Duras, encontrar o espaço vazio e falar a partir dele, como uma arma de resistência ao alinhamento do discurso dominante. Através de uma linguagem que se afasta do terreno, esta peça se instala em uma classe distinta de consciência que não está sujeita à correspondências rígidas de causa e efeito, liberando-se das relações convencionais de tempo e espaço. Destruição da narração. Uma menina vagando livre. Uma mulher mais velha nos observa, estática, sem nos ver. Uma jovem caminha e é arrastada por uma ovelha em uma praia com uma ilha ao fundo. Outras contemplam um oceano irreal, com a ilha distante. Mulheres do sul do Nepal, atravessam um campo de trigo, distantes. E a água, como uma combinação do inefável e do material.

Carla Andrade
Artista dedicada à fotografia e ao meio audiovisual, Carla Andrade é bacharel em Comunicação Audiovisual e atualmente estuda Filosofia. Esta interseção entre os meios da expressão visuais e um local mais próximo à reflexão e ao mundo das ideias é justamente uma das facetas que definem seu trabalho. A viagem é também uma característica inerente a seu processo de criação, por isso realizou residências artísticas na Islândia, Suécia, Nepal, Chile e Paris, entre outros países.

Mostra Circuito Espanhol

Mostra PHENOMIA
Uma seleção itinerante e mutável que se expande por distintos espaços e contextos.
Um programa de filmes experimentais realizado por autores espanhóis. Apresentado pela Crater-Lab.

SESC Paço da Liberdade
Terça, 14/11 - 15h30
Sexta, 17/11 - 19h10

Gratuito