O quê?

Com a chegada de agosto, a Bienal anuncia um conjunto de conteúdos que serão apresentados em formato take-over e discutem diferentes etapas no processo de criação de um artista visual multidisciplinar convidado, Fernando Moletta.

Na primeira semana do mês o público poderá conferir uma breve apresentação do take-over e do artista em vídeo. No IGTV, será publicado um registro inédito da performance “Aqui o ser humano não se deteriora. Petrifica-se”, que foi apresentada por Fernando Moletta durante a Semana de Performances da 14ª Bienal de Curitiba. Nos stories, serão apresentados detalhes de uma segunda performance idealizada pelo artista, “Poemas de Clarice, músicas de Tom e Vinícius, obras de Oscar Niemeyer e Lucio Costa – Brasília”.

A segunda semana do take-over vai promover reflexões sobre as intersecções entre arte contemporânea e arquitetura com publicações no feed relacionadas ao tema, além de stories e reels trazendo pesquisas, processos, referências em arte-arquitetura e vídeo-escultura. Já na terceira semana, os conteúdos do take-over irão tratar sobre novas mídias e o papel do Instagram na arte contemporânea, com destaque para uma live com o curador Guilherme Teixeira focada neste tema.

Encerrando a programação do mês de agosto, a quarta semana será destinada inteiramente à discussões sobre videoarte e contará com a publicação de um teaser do trabalho “Não éramos nós os modernos”, de Fernando Moleta, além de stories e reels com pesquisas, processos e referências em videoarte.

Quando?

às

Onde?