Oficina de Cinema na Lapa

Na manhã do dia 12/03, a cidade de Lapa recebeu a primeira etapa do projeto Cine Móvel da Bienal de Curitiba:

Cine Móvel 2019 | Oficina de Cinema com Celular na Lapa | Crédito: Lucas Ferreira

A Oficina de Cinema pelo Celular promove estudos dos fundamentos históricos do Cinema e as bases dessa linguagem, para que os jovens entendam como a Sétima Arte é capaz de influenciar suas vidas. Mais do que isso, o objetivo da Oficina é mostrar como, hoje em dia, cada pessoa pode se expressar e produzir arte com um objeto cotidiano: o telefone celular.


No Colégio Estadual São José, dezoito alunos entre 15 e 19 anos participaram da oficina. Com a proposta inicial partindo de temas como memórias, a criação e roteiro foi totalmente escrita pelos próprios estudantes. A produção foi filmada também durante a manhã, dentro do prédio do colégio, que acabou inspirando os alunos: o filme resultante é um curta-metragem de suspense: a trama conta histórias sobrenaturais que teriam acontecido ali.

Cine Móvel 2019 | Oficina de Cinema com Celular, na Lapa, com Felipe Negreli | Crédito: Lucas Ferreira

O curta “A Faxineira” contém atuação dos próprios alunos, também. As três personagens que compõem a trama são a faxineira (Maria Eduarda Aguiar), o bibliotecário (André Luiz Ukan), e a vítima (Samira Aparecida). A equipe técnica é composta de alunos que aprenderam, através da oficina, a manejar seus próprios celulares para fazer cinema!

O curta, que tem duração de um minuto, em breve será disponibilizado no canal do YouTube da Bienal de Curitiba. A primeira exibição pública foi feita durante o Cinema na Praça, promovido pelo Cine Móvel, na Praça General Carneiro no dia 19/03 em Lapa. A ocasião reuniu amigos e familiares dos estudantes, além de toda a comunidade. Veja como foi o evento aqui

A FAXINEIRA

Sinopse: Três amigas vão à biblioteca procurar livros e descobrem uma história sobrenatural sobre o colégio.

 

A ficha técnica completa está disponível nos créditos do filme.